terça-feira, 20 de outubro de 2009

Valiosa e grande responsabilidade: autoridade dos pais


"Foi dos vossos pais e de Deus que recebi o direito de vos educar; mas este direito receberam-no os vossos pais de Deus e de Deus somente. A nossa autoridade sobre vós é passageira; dentro em breve, apenas nos ficará a do nosso afeto e de vosso reconhecimento, ao passo que a autoridade dos vossos pais é inalienável. Nós podemos deixar de nos consagrar à vossa educação; mas eles devem ensinar-vos até os derradeiros dias, e vós devereis ouvi-los sempre com respeito, até o fim.

Numa palavra, aqui mesmo, em todo o curso da nossa educação, os vossos pais são os primeiros educadores; e, se receberdes com docilidade os nossos ensinamentos, os vossos pais serão sempre, em toda a vossa vida, os vossos preceptores mais venerados e mais queridos.

Foi por estar tão convencido destes princípios que, um dia, julguei do meu dever expulsar do Seminário Pequeno de Paris um jovem, de quem eu era amigo e que sempre me estimara e respeitava, mas que, no mesmo ano, faltou duas vezes, e gravemente, ao respeito a sua mãe. Não o podendo corrigir, não me julguei no direito de continuar a sua educação."

(Mgr. Dupanloup - Da educação, t.II, p. 164)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...